Aumentando o Aprendizado Segundo Richard Saul Wurman


Melhorando o Aprendizado

No livro Ansiedade de Informação 2 do arquiteto de informação Richard Saul Wurman, encontrei nos últimos capítulos uma teoria muito interessante para melhorar o nosso aprendizado e reter melhor as informações bem como utilizar melhor nosso tempo para poder aprender mais sobre diversos assuntos.

São uma espécie de cursos imaginários que  melhoram dia dia para quem quer reter mais informação. As considerações abaixo forma tiradas do livro da página 243 e 244.

1º O que você quer – Não damos a devida atenção ao velho ditado: “Cuidado com o que você deseja, porque é quase certo que será exatamente o que tera”.

2º Um dia na vida – Estudar em detalhe um dia na vida de qualquer coisa ou pessoa, um caminhão, um prédio, um açougueiro, não só levará ao entendimento do que significa ser outra coisa, como à melhor compreensão de nós mesmos.

3º O que somos para as formigas – Seria uma versão avançada do curso “Um dia na vida”. Procure descobrir como uma coisa se relaciona com outra é um processo que costuma ser desprezado nas escolas.

4º O tempo, rápido e lento – O estudo de tudo o que acontece em um minuto, um dia, uma semana, um ano ou mil anos, daria um novo quadro de referências para compreender e classificar a informação.

5º O círculo de 5 minutos – O que você poderia fazer ou ver em cinco minutos de onde está sentado?

6º Curso sobre uma pessoa – Seria um curso sobre Albert Einstein, Yasser Arafat e outras pessoas de alguma forma interessantes.

7º Viva o erro – É possível aprender mais pelo estudo das coisas que não funcionam odo que das que funcionam A maioria das grandes avanços tecnológicos e científicos partiu do exame de coisas que falharam.

8º Observação da espera – Gastamos boa parte de nosso tempo esperando, em filas de caixa, em guichês, em consultórios médicos, Como poderíamos aproveitar melhor esse tempo?

9º Com explicar algo para que sua mãe entenda – Perceber a capacidade de compreensão do outro é essencial em toda comunicação, mas raramente pensamos nisso. Pressupomos que os outros compreendam tudo exatamente como nós.

10º A diferença entre os fatos e a verdade – Os fatos só têm significado quando associados a idéias e relacionados à experiência; ainda assim, são oferecidos em lugar de verdade.

Esses são os passos mais interessantes que encontrei, no livro aparecem outros, mais para este artigo esses são os mais importantes.





Artigos Relacionados


Designer de Interface pós graduado em Arquitetura da Informação. UI/UX Designer e Front-end Developer, atualmente atendo empresas como freelancer e sou colaborador em uma agência de comunicação onde desenvolvo interfaces criativas com foco na experiência do usuário. Organizador por natureza acredito que o caos é a matéria-prima necessária.

Deixe o seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.

Você pode usar HTML tags e atributos: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>